Artigos

O que a Ceia de Natal pode nos ensinar sobre Planejamento Estratégico e Gestão de Equipes?

10 de dezembro de 2018 / Por

Quem pensa que a Ceia de Natal envolve apenas cozinhar, está redondamente enganado. A organização de um evento – mesmo que familiar, ainda é um evento – desse porte é desafiadora. É preciso ter foco, paciência, muito tato, um bom Planejamento Estratégico e um ótimo tino para Gestão de Equipes.

Montar uma bela Ceia de Natal é como gerir uma empresa, mas claro, em proporções menores – o que não significa menos trabalho. Você já parou para pensar em todas as engrenagens que precisam funcionar perfeitamente para que o jantar de Natal seja um sucesso? Que tal aprender um pouquinho sobre Planejamento Estratégico e Gestão de Equipes com o clima natalino?

Planejamento Estratégico e Gestão de Equipes: quem é quem na Ceia de Natal?

1 – Líder ou gestor

É quem toma as rédeas da organização. O líder sabe exatamente o que será necessário para fazer cada prato, tem controle de orçamento e, para melhor gerir as equipes, está em constante comunicação com os demais.

2 – Equipe da cozinha

A comida é o principal atrativo da Ceia de Natal, certo? Então vamos considerar a equipe que trabalha na cozinha como a responsável por produzir o principal produto da sua empresa. Isto é, aquilo que será “vendido” para o mercado.

3 – Equipe de relacionamento (leia-se lista de convidados)

Aqui podemos encaixar o pessoal que ficará responsável por enviar convites, fazer ligações e confirmar a presença dos convidados. É extremamente importante que essa equipe tenha uma boa relação com a equipe de cozinha. Já imaginou fazer comida de menos para gente demais?

Equipe que planeja unida permanece unida

4 – Equipe de limpeza

É o pessoal que entra em ação antes do evento começar… e depois! Sem eles, nada ficaria organizado e apresentável, por isso, é preciso que eles trabalhem com rapidez, eficiência e antecedência.

5 – Equipe de RH (leia-se quem aparta as discussões na mesa da ceia)

No meio de tanta gente e tanta responsabilidade, é normal que alguns desentendimentos aconteçam. Assim, deve haver uma equipe preparada para acalmar os ânimos, garantir que todos sejam ouvidos e fazer com que o trabalho siga seu curso.

6 – Financeiro

Não existiria Ceia de Natal sem o financeiro – muito menos Planejamento Estratégico ou Gestão de Equipes. O pessoal do financeiro deve estar sempre atento para conciliar as verbas da empresa com as verbas que cada equipe irá precisar para fazer desse evento algo inesquecível.

Planejamento Estratégico e Gestão de Equipes: o que aprender com a Ceia de Natal?

1 – O começo da Ceia de Natal

Antes de qualquer coisa, precisamos começar! Mas como organizar cada coisa? Por onde dar início ao processo? Como saber o que vem primeiro? Bem, a primeira coisa é ter calma e tentar imaginar a Ceia de Natal como um negócio propriamente dito.

Para isso, talvez a metodologia Canvas seja a mais recomendada. Com ela, você conseguirá olhar para o seu modelo de negócio de maneira simples e intuitiva. É aqui que você terá insights para saber como realizar o evento da melhor maneira possível.

2 – A comunicação é a base

Você sabia que cerca de 60% dos brasileiros acreditam que sua empresa não investe o suficiente em comunicação interna? Agora nos diga: como fazer uma empresa crescer sem comunicação? As chances dos planos darem errado aumenta exponencialmente…

O que a preparação da Ceia de Natal nos ensina sobre comunicação? Que ela é o mecanismo chave para fazer a engrenagem funcionar. O líder precisa se comunicar com todas as equipes e as equipes precisam se comunicar entre si: o financeiro precisa saber o que cada setor precisa comprar, a cozinha precisa saber se a limpeza foi feita e assim por diante.

Já imaginou como tudo isso seria mais fácil se houvesse um  espaço para centralizar todos os dados essenciais para pensar estratégia? Todos poderiam ter acesso aos objetivos e principais indicadores de performance para saber o que está funcionando e o que precisa de uma cobrança maior.

3 – Não deixe que a sobrecarga de trabalho atrapalhe a comunicação interna

Uma das maiores reclamações de quem trabalha em empresas com o dia a dia corrido é que a sobrecarga de trabalho impede que as pessoas se dediquem à comunicação interna. No entanto, pode ser exatamente isso que está gerando sobrecarga, sabia?

Imagine se não houvesse nenhuma comunicação entre as equipes da Ceia de Natal. O caos seria o convidado de honra. Cada um seguiria um objetivo diferente e teria um tipo de ceia diferente em mente. Nada estaria convergindo e tempo e dinheiro seriam desperdiçados em uma ceia desastrosa.

4 – Às vezes, não podemos fazer tudo sozinhos  

Não podemos nos dar ao luxo de assumirmos todas as responsabilidades – principalmente se você exerce o papel de gestor na sua empresa. Delegar tarefas e traçar objetivos claros e em comum fazem parte de um bom Planejamento Estratégico e de uma Gestão de Equipes eficiente, que dá independência e motiva seus funcionários. Já imaginou a equipe de cozinha tendo que limpar, gerir, convidar e calcular o orçamento? As coisas ficariam tão pesadas que dificilmente sairiam do papel.

Ufa, depois de tudo organizado e preparado, é só aproveitar a ceia de Natal. Se o tempero escolhido for o Planejamento Estratégico, então, a refeição será ainda mais saborosa e o momento de confraternização ainda mais feliz. A equipe do Scopi deseja a todos um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo!

Quer ler mais dicas sobre Planejamento Estratégico e Gestão de Equipes?

Que tal começar por estes conteúdos?

Mas o melhor mesmo é ficar atento ao nosso blog e não perder nada! Acredite: você vai estar dominando o mundo do planejamento estratégico rapidinho.


O Scopi é o software que descomplica a criação e agiliza a execução do seu planejamento estratégico. Integra num só lugar canvas, swot, mapa estratégico, indicadores, metas, projetos e processos. Não deixe de conhecer. Acesse nosso site.