Equipe discutindo os benefícios do planejamento estratégico

5 benefícios do planejamento estratégico para indústrias

Diante dos desafios do cenário econômico atual, muito se fala sobre o crescimento das indústrias em 2020. Segundo o Ipea, a expectativa é de um crescimento de 1,6% em 2020. Mas mesmo diante de possíveis instabilidades, como manter uma previsibilidade de crescimento constante ano após ano? 

A resposta para essa pergunta está no planejamento estratégicos das indústrias, um processo fundamental para garantir o crescimento de qualquer negócio. De forma sistêmica, ele define o objetivo de uma empresa e qual o caminho necessário para chegar até lá

Através dele, entende-se qual o cenário atual da empresa, sua filosofia e quais os objetivos estratégicos mais importantes para aquele período. Para assim, definir quais indicadores de sucesso medir o alcance desses objetivos e, quais os projetos e processos necessários para pôr tudo em prática, garantindo então um crescimento previsível.

Olhando para essa definição, você consegue entender a importância do planejamento estratégico para indústrias? Esperamos que sim! Afinal, se o objetivo é tornar-se referência nacional no ramo têxtil até 2025, você precisa ter um plano para chegar até lá, independente do cenário econômico do país. E é isso que o planejamento estratégico oferece. 

Por isso, neste artigo vamos apresentar alguns dos principais benefícios do planejamento estratégico para indústrias. Continue a leitura para saber mais!

Os benefícios do planejamento estratégico para indústrias 

Embora muitas indústrias entendam a importância do planejamento estratégico, nem sempre é fácil colocá-lo em prática. Inclusive, a sua execução é um dos principais desafios das empresas. Para motivar você a implantar esse processo na sua indústria, separamos cinco benefícios do planejamento estratégico que vão fazer você quer começar a planejar hoje mesmo. Confira!

Assertividade nas ações

Quando se sabe aonde quer chegar, perde-se menos tempos com atividades que não são prioridade em determinado período. Esse tipo de comportamento é comum em indústrias que não possuem planejamento estratégico. 

Ou seja, seus projetos e atividades não têm um foco estratégico, um objetivo a ser alcançado. Elas simplesmente seguem um fluxo baseado em uma demanda desorganizada, executando tarefas aleatórias, sem saber se no final elas irão impactar positivamente o sucesso da empresa. 

Maior produtividade

Da mesma forma que ter um objetivo traz mais assertividade às ações da indústria, isso também impacta na produtividade industrial. Quando as equipes, independente dos setores, sabem o que precisa ser feito, a produtividade aumenta. 

Por consequência, isso também reflete no bem-estar dos colaboradores, que entendem sua importância nos processos da empresa e como seu trabalho auxilia no alcance dos objetivos. Além de claro, tornar a rotina de todos mais organizada e fluída. 

Controle de produtividade de uma fábrica de alimentos

Acompanhamento constante dos resultados

Sem dúvida, acompanhar os resultados de uma empresa é o sonho de qualquer gestor. Porém, quais metas devem ser mensuradas por uma empresa que não possui um objetivo estratégico definido? 

Certamente faltou resposta para essa pergunta, não é mesmo? Esse é claramente mais um dos benefícios do planejamento estratégico para as indústrias. Depois de definidos os objetivos estratégicos, é traçado um plano de ação com os projetos que devem ser executados para garantir o sucesso do planejamento. 

Quando se sabe quais projetos estão em andamento, é possível definir KPIs específicos que vão ajudar os gestores a acompanhar o andamento das ações periodicamente e se necessário, corrigir possíveis erros para evitar surpresas desagradáveis ao fim de tudo. 

→ Quer saber como definir os KPIs do planejamento estratégico da sua indústria? Confira nosso artigo completo sobre o assunto! 

Conhecimento das oportunidades e ameaças do mercado

Indústrias que tornam o planejamento estratégico uma rotina, estão acostumadas a analisar estrategicamente qualquer sinal de ameaça ou oportunidade que o mercado apresenta. Isso traz mais segurança para qualquer operação. 

Enquanto a grande maioria das indústrias são reativas às mudanças do mercado, as que investem em planejamento estratégico sabem se blindar diante de possíveis crises ou identificar oportunidades de crescimento que ninguém viu chegando. 

Ou seja, tornar o planejamento estratégico uma cultura dentro das indústrias é saber tirar o melhor de qualquer cenário econômico, aumentando a previsibilidade de crescimento financeiro. 

Empresa com anos de mercado

Maior longevidade do negócio

Segundo o SEBRAE, 60% das empresas fecham suas portas por falta de planejamento estratégico. Muitos empresários começam um negócio sem qualquer tipo de análise estratégica das possibilidades que o futuro reservará para sua indústria. 

Uma vez que um ano tenha um crescimento considerável da empresa, o mesmo não é garantia no ano seguinte, por isso a importância do planejamento estratégico. Analisar e planejar constantemente as atividades da empresa, suas oportunidades e ameaças, é a garantia de que suas ações estão alinhadas com as principais necessárias do negócio para se manter saudável no mercado. 

Em resumo, os benefícios do planejamento estratégico vão desde uma maior assertividade das ações da empresa até o bem-estar dos colaboradores. Um processo que envolve tantas áreas da sua indústria merece uma atenção especial, não é mesmo? 

Por isso, reforçamos a importância desse processo tão rico e benéfico às indústrias como uma forma de garantir uma previsibilidade de crescimento baseado em decisões estratégicas conscientes.