Artigos

Como a assessoria executiva ajuda na tomada de decisões?

21 de junho de 2019 / Por

Dentro de uma empresa não é nada fácil tomar uma decisão importante, ainda mais se houver riscos – sempre bate aquele medo de perder tudo e jogar dinheiro fora. Certamente quem é empresário entende muito bem do que estamos falando. Se você faz parte do grupo que ainda não sabe como resolver esse problema, aconselho ler este artigo e procurar uma assessoria executiva.

Atualmente as empresas buscam profissionais cada vez mais qualificados, com perfil gerencial, para atuar nos níveis estratégicos, assessorando e participando na tomada de decisão organizacional. O papel da assessoria executiva é exatamente isso e tem sido cada vez mais importante dentro das empresas. O mercado tem exigido uma grande capacidade a nível estratégico e gerencial.

Por isso, o profissional da área precisa ser constantemente mais qualificado e proativo. Com essas qualificações, a assessoria executiva ganhou uma posição importante na tomada de decisões.

Assessoria executiva e a tomada de decisões assertivas

Mas como um assessor executivo auxilia nas tomadas de decisões? Normalmente esse profissional, por meio de um plano de visita, faz uma imersão na sua empresa. Ele possui e domina uma metodologia consagrada de gestão, que serve de base para suas ações nas organizações assessoradas. Por exemplo, no caso do Daexe, especialistas na metodologia de gestão estratégica Balanced Scorecard (BSC). Essa metodologia e ações são direcionadas a desenvolver todos os níveis da empresa: níveis estratégicos ou diretoria, níveis gerenciais e níveis operacionais. Ainda, tais metodologias e ações podem ser direcionadas a todas as áreas de gestão da empresa: finanças, pessoas, inovação, processos internos, marketing e vendas.

No artigo “a assessoria executiva no processo de tomada de decisão”, da revista de gestão e secretariado, em 2013, foi levantada questões para gestores das empresas e profissionais executivos. Com relação ao processo decisório a maioria dos gestores consideram que “às vezes” o profissional externo influencia nesse processo, e que “quase sempre” atende às necessidades do processo de tomada de decisão.

Já quando se trata de autonomia para tomar decisões a maioria dos gestores responderam que “às vezes” o profissional tem essa autonomia, visto que sua participação é fundamental nos processos, devido à articulação com os setores da organização.

Ainda segundo a pesquisa os profissionais disseram que se consideram um agente facilitador no processo de tomada de decisão e quando envolvido no processo têm responsabilidades e assumem riscos. E quanto às questões relacionadas à sua participação no processo de tomada de decisão, afirmam que “quase sempre” influenciam no processo por atender necessidades fundamentais.

Como os coordenadores e empresários veem a assessoria executiva?

Sendo assim, os empresários têm colocado cada vez mais confiança nas indicações da assessoria executiva. Com um conhecimento da dinâmica de toda a empresa, os assessores conseguem apresentar uma visão completa do quadro geral. Ajudando o empresário a enxergar e compreender as competências da empresa e possibilidades mais favoráveis no cenário apresentado.

A contratação de uma assessoria executiva para as tomadas de decisões, é sinônimo de foco e visão. Ela tem uma visão holística da empresa e da organização. Abrangendo elementos, estratégias e atividades.

É evidente que a incerteza sempre vai existir. Além disso, é humanamente impossível afirmar que erros de decisão não vão acontecer. Porém, o trabalho da assessoria executiva na tomada de decisões é, dentro das possibilidades e alternativas, muito claro. A assessoria deve apresentar ao empreendedor o cenário mais favorável para um resultado positivo.

A base no processos decisório dos assessores executivos da Daexe vem da seguinte filosofia: “Não se gerencia o que não se mede, não se mede o que não se define, não se define o que não se entende, e não há sucesso no que não se gerencia”. (William Edwards Deming)

Um assessor executivo nessa questão terá um perfil polivalente, pois tem conhecimento e competência em áreas como: recursos humanos, marketing, gestão estratégica, gestão financeira, consultorias, operações, etc. E seu papel é fundamental nas empresas porque relaciona todos os setores e possui informações estratégicas para a tomada de decisão.

Passo a passo como assessoria executiva pode auxiliar na tomada de decisões

  • Acompanhar e gerenciar o desempenho do planejamento estratégico e de setores específicos da empresa;
  • Mensuração dos dados;
  • Fazer uma série de análises da empresa com base nos dados obtidos e histórico da empresa;
  • Auxiliar na identificação de erros e sugerir correções;
  • Nortear tarefas rotineiras das empresas e sugerir capacitações, caso necessário;
  • Acompanhar e gerenciar departamentos e setores específicos das empresas que necessitem de otimização e organização.

Gostou do texto sobre como a assessoria executiva pode ajudar no planejamento da sua empresa?

*Este post foi escrito por Daexe Assessoria Executiva. Empresa especialista em criar e executar planejamento estratégico e de departamentos da empresa com BSC.

Nós Medimos e Melhoramos o Desempenho das empresas, otimizando recursos financeiros, aumentando e fidelizando clientes e tornando seus funcionários mais felizes por meio de processos simples! Nossa vocação é materializar os sonhos dos empreendedores e empresários e nossa missão, audaciosa por natureza, é organizar o mundo!

Com a DAEXE você  tem muito mais facilidade em acompanhar suas metas, descobrir os indicadores que melhor funcionam para o seu tipo de negócio ou área de atuação e garantir a execução de 97% do que for planejado.