Artigos

4 dicas de planejamento estratégico para redes sociais

17 de janeiro de 2019 / Por

O sucesso de qualquer empresa hoje passa pela construção de uma sólida presença digital. Isso significa ter canais próprios bem estruturados (site, blog, loja virtual, FAQ) e também ter um posicionamento relevante nas redes sociais apreciadas por seu público.

Mas muitas marcas ainda estão perdidas com relação à construção da sua presença nesses canais. Será que preciso estar em todas as redes sociais? Qual é a frequência certa de postagens? Que tipo de conteúdo fazer? Como lidar com crises?

De fato, não adianta criar perfis aleatórios. Como qualquer outra frente de negócio, fazer marketing nas redes sociais requer planejamento estratégico, dedicação e, claro as ferramentas certas.

Se você quer saber mais como acertar no assunto, fique comigo nesse post. Selecionei 4 dicas fundamentais para um bom planejamento estratégico para redes sociais.

1 – Entenda o cenário atual

A primeira fase de qualquer tipo de planejamento estratégico envolve o diagnóstico. Isso significa entender criticamente o cenário atual da estratégia, quais são os pontos fortes, os pontos fracos e como otimizar tudo isso.

Uma análise SWOT da presença atual é uma forma simples e rápida de ter uma visão abrangente disso.

Mas, não basta olhar só para si. É preciso entender como os concorrentes estão se posicionando em cada rede social e como sua marca está em relação a eles.

Para entender isso, você pode analisar manualmente as páginas de seus concorrentes nas redes sociais. Mas terá algumas barreiras e dificuldades. Além dos desafios da compilação dos dados, você não terá como analisar dados históricos, como o crescimento dos canais ao longo do tempo e de forma comparativa.

A melhor maneira de acessar esses dados é usando uma ferramenta. Na mLabs, por exemplo, você consegue acessar gráficos de comparação direta com até 5 concorrentes no Facebook, Instagram e Twitter.

Além de entender o crescimento comparativo das páginas, você poderá analisar o engajamento de cada uma delas.

2 – Defina e otimize personas

A segunda dica para você acertar no planejamento estratégico para redes sociais envolve a criação e/ou otimização de personas.

Se você não tem familiaridade com o termo, vou resumir:

Personas são personagens fictícios, criados com base em dados reais, que representam o cliente ideal de uma marca.

Para criar uma persona é preciso analisar dados demográficos, comportamentais e entender as preferências e necessidades do público. Ferramentas como Mapa da Empatia, pesquisas qualitativas e coleta de informações das próprias redes sociais são fundamentais para balizar a criação de personas da forma correta.

Um erro bastante comum das empresas hoje em dia é achar que sabem quem são suas personas. Muitas delas moldam seu público com base apenas naquilo que vendem. E, assim, criam uma ilusão que mina o negócio como um todo.

Uma empresa de equipamentos de limpeza doméstica pode nascer acreditando que seu público são mulheres da classe A, que trabalham o dia todo e precisam comprar equipamentos eficientes para suas funcionárias. Mas, ao pesquisar a fundo, ela pode descobrir, por exemplo, que vende basicamente para outras empresas, do segmento de serviços e manutenção geral.

Percebe como clareza nesse entendimento é fundamental para planejar a comunicação nas redes sociais? É uma premissa de marketing!

Talvez você esteja se perguntando: mas como saber se a persona está certa?

Bom, precisamos analisar alguns números para entender isso.

Se uma empresa conta com time de suporte e vendas, ela já tem meio caminho andado! Conversar com esses profissionais e fazer entrevistas com parte da base de clientes é o primeiro passo. A ideia é levantar padrões demográficos, de interesse e comportamento.

As redes sociais também são ótimas fontes de informação.

Ferramentas como Instagram Analytics, Facebook Insights e Twitter Analytics são incríveis fontes de dados sobre o público.

E os gráficos da mLabs tornam o entendimento disso ainda mais simples.

Com eles, você conseguirá entender qual o gênero predominante dos seus seguidores, a localização e, analisando os melhores conteúdos, poderá entender quais assuntos mais lhe interessam.

O Google Analytics também traz uma série de informações sobre público, dispositivos usados para conexão e conteúdos do seu site/blog.

3 – Trace metas e objetivos

A terceira dica para um bom planejamento estratégico de redes socias é traçar metas e objetivos.

Só para deixar mais claro: objetivos podem ser abrangentes, como “aumentar a visibilidade da marca”. Mas, para alcançar isso, você precisará estipular metas específicas, com métricas e prazos definidos.

Par alcançar o objetivo de aumentar a visibilidade, por exemplo, você poderá definir como meta: aumentar em 5% o alcance médio dos posts da marca no Facebook, no prazo de 3 meses.

Como pode ver, meta é algo específico e mensurável. E a métrica Alcance terá que ser acompanhada nesse caso.

A definição de metas e objetivos te ajudará também a definir um planejamento tático.

O que sua marca precisa fazer para aumentar o alcance dos posts no Facebook? Investir em mídia paga, criar conteúdos de alto engajamento e postar nos melhores dias e horários dessa rede social são exemplos de ações estratégicas que te ajudarão a alcançar isso.

4 – Escolha as ferramentas certas

Não existe estratégia de marketing em redes sociais sem uma ferramenta de gerenciamento de redes sociais.

Hoje em dia, não faz sentido ignorar a tecnologia disponível no mercado. Até porque, alguns recursos representam uma economia de tempo e de dinheiro.

Uma ferramenta de planejamento estratégico como a SCOPI é um exemplo disso. A possibilidade de controlar metas e indicadores, organizar tarefas e gerenciar projetos em um só lugar representa um salto em termos de negócio.

O mesmo vale para o gerenciamento das redes sociais. Ferramentas como a mLabs, por exemplo, permitem agendamento de posts em diversos canais, análise de resultados, monitoramento de concorrentes, SAC social e tantos outros.

Além de facilitar a parte operacional da sua estratégia deixando-a mais simples e assertiva, a mLabs te ajudará a gerar relatórios de desempenho fáceis de serem analisados, trazendo insights poderosos para otimizar e alinhar seu planejamento estratégico para redes sociais.

Ficou alguma dúvida sobre o assunto? Utilize os comentários para perguntar!


*Este post foi escrito por Mariana Cabral, Head de Conteúdo da mLabs.