Líder explicando os requisitos para um bom planejamento

3 requisitos para um bom planejamento estratégico

Criar o planejamento estratégico é o primeiro passo para evoluir na gestão de um negócio. Porém, ter um bom planejamento é o segredo para o sucesso do negócio. 

Para isso, alguns requisitos são necessários para assegurar que o processo será executado. E o melhor, será executado com excelência. Continue a leitura para conhecer o que é necessário para ter um bom planejamento.

Requisitos para um bom planejamento

1. Líder engajado

Um bom planejamento, começa pelo líder, pelo seu nível de engajamento e pelo poder de mobilização que exerce sobre seus comandados. Desde a construção, passando pelo acompanhamento, a participação ativa do líder é indispensável para o sucesso do planejamento.

Aliás, nas pequenas empresas, é normal o próprio dono assumir a coordenação no planejamento estratégico, enquanto nas empresas maiores são criados departamentos com a responsabilidade sobre a gestão do planejamento, tamanha é a relevância do tema.

Um dos entraves é a falta de disponibilidade do líder para questões mais estratégicas, o que ocorre principalmente nas empresas de pequeno porte. Nestas empresas os gestores e empresários, estão muito focados na operação do dia a dia, sem tempo para pensar no dia de amanhã, nem tão pouco avaliar o hoje e o ontem, o que acaba travando o processo de melhoria e inovação. O líder precisar ter a visão do todo e apostar no longo prazo.

2. Método adequado

O método, ou melhor os métodos, são as ferramentas e formas utilizadas para construir e gerenciar o planejamento estratégico. Há métodos já consolidados no mercado, que funcionam muito bem, independentemente do segmento e do tamanho da organização.

Dentre as ferramentas encontramos o SWOT, BSC, gestão de indicadores e projetos, PDCA, além de outros. Muitas organizações, ainda não se deram conta que usar metodologias aumentam a produtividade da equipe e geram ganhos de qualidade.

Muitos ainda preferem fazer tudo por tentativa e erro, o que gera desperdício e coloca em risco os resultados. As reuniões mensais de avaliação com a presença do líder, são indispensáveis.

Sem dúvida o método, ou melhor, os métodos, estão aí e o conhecimento técnico também. Com as oportunidades que a transformação digital proporciona, o conhecimento está ao alcance de todos, a qualquer momento, e há ainda a possibilidade de buscar ajuda junto à consultores especializados.

3. Equipe integrada

Nenhum bom planejamento estratégico terá sucesso se não contar com a participação de uma equipe, formada pelos colaboradores de várias áreas. A necessidade da integração entre gestores e colaboradores se dá desde os primeiros passos do processo de elaboração do planejamento estratégico.

Ou seja, a equipe precisa se sentir integrada de fato, ajudando a elaborar desde a filosofia da empresa até o acompanhamento dos projetos. Cada membro deve saber do seu papel e da importância que o planejamento tem para a empresa e para todos os colaboradores. Todos precisam se sentir donos do planejamento.

Por fim, o líder é o principal protagonista nessa integração. É ele quem vai colocar todos dentro do processo, mantendo-os motivados e cientes das tarefas e metas que devem ser alcançadas.

Além disso, uma boa comunicação e o auxílio de um software de planejamento estratégico como o Scopi, ajuda a centralizar todas as informações e compartilhar com a equipe envolvida, possibilitando o acompanhamento em tempo real do andamento das ações planejadas.